Desde fevereiro de 2020, as leis do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina que regiam os eventos temporários tiveram grandes alterações nas exigências.

Uma das principais mudanças foram as classificações das categorias, como pequeno, médio e grande porte e exigências específicas para cada categoria.

Para ficar mais fácil de entender, os eventos que falamos são as feiras, shows musicais, festivais e congressos, por exemplo. São atividades que reúnem muitas pessoas em uma área delimitada.

A principal exigência para grandes eventos, é a elaboração de projetos de prevenção e combate a incêndios, o famoso projeto preventivo.

Visando a segurança do público que comparece ao local, o Corpo de Bombeiros passou a exigir um planejamento maior dos organizadores.

Esse planejamento vai desde a instalação de sistemas simples como extintores e luminárias de emergência, até, a depender do local e porte, a previsão de sistema de hidrantes e alarme de incêndio, por exemplo.

Quem deverá elaborar este projeto não é o organizador, como era antigamente. Agora, até pela complexidade e responsabilidade, quem for organizar um evento, necessitará do apoio de uma empresa especializada em prevenção contra incêndio, que contará com um engenheiro que dimensionará os sistemas de acordo com o layout do evento.

Em Santa Catarina, a Martins Engenharia de Incêndio, é especializada em projetos de prevenção contra incêndio, atendendo grandes empresas em seus parques fabris e também em eventos no Estado, como o anual Festival Brasileiro da Cerveja, que acontece em Blumenau, no vale do Itajaí.

O idealizador do escritório, o engenheiro civil Guilherme Martins, comenta que a maioria das empresas após a assessoria do escritório, dizem que tinham a visão dessa área como um bicho de sete cabeças e por muitas vezes acabavam negligenciando ou até fugindo do Corpo de Bombeiros, mas depois de contar com uma empresa especializada, o custo benefício é visível. As instalações acabam custando menos, pois se planeja o necessário e eficiente para cada situação e até os custos com seguradoras diminuem, pois, a empresa acaba menos suscetível a grandes perdas ocasionadas por incêndios.

E nos eventos, para o público, é visível a preocupação da organização com a segurança dos visitantes, isso gera uma sensação maior de credibilidade e tranquilidade.

Propor um evento lucrativo e seguro para os visitantes é o objetivo de qualquer organizador.

Gostou?! Se quiser saber mais sobre as exigências e como se enquadra seu evento, o pessoal da Martins preparou um artigo completo sobre tudo que você precisa saber!

É só acessar: O que preciso para tirar o alvará dos Bombeiros em eventos temporários?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

17 + 5 =